Marques, Virgílio - O Maçon José Estêvão

 

O Maçon José Estêvão 

- na sua conduta profana (esboço de ensaio) -

Tipografia Guerra. Viseu, s/d. Edição do Autor. In-4.º, de 40 páginas. Brochado.

José Estêvão Coelho de Magalhães foi o 23º Grão-Mestre da Maçonaria Portuguesa (sucessor de Nuno José de Mendonça Rolin de Sousa Barreto - Duque de Loulé), participou na Guerra Civil contra D. Miguel nos Açores e no Continente, foi um dos "Bravos do Mindelo" e combateu na "Guerra da Patuleia".

Exemplar valorizado pela expressiva e intimista dedicatória manuscrita, datada de 1966 e assinada por Virgílio Marques.

Bom exemplar, com os cadernos ainda por abrir.   25€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Figurinos Maçónicos Oitocentistas

 

Figurinos Maçónicos Oitocentistas

- Um "Guia" de 1841-42 - 

Apresentação, introdução e anotações de A. H. de Oliveira Marques

Colecção Imprensa Universitária (Nº31). Editorial Estampa. Lisboa, 1983. 1ª Edição. In-8.º, de 79 (1) páginas. Ilustrado. Brochado. 

Ilustração da capa - grau 32 - Sublime Príncipe do Real Segredo

Profusamente ilustrado a cores com dezenas de figurinos em páginas extratexto.

Bom exemplar.   15€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Os Primórdios da Maçonaria em Portugal

 

Os Primórdios da Maçonaria em Portugal 

Graça e J. S. da Silva Dias

Obra completa em 2 volumes - 4 tomos. Instituto Nacional de Investigação Científica. Lisboa, 1980. 1ª Edição. In-8.º, gr. de Vol.I -Tomo I - (XL) 419 (1) + Vol. I - Tomo II - (421 a 925 (3)) + Vol. II -Tomo I- 438 (2) + Vol II. Tomo II - 439 a 979 (1) páginas. Brochados.

Trata-se do mais extenso e um dos mais importantes estudos sobre a Maçonaria em Portugal.

Exemplares em bom estado de conservação. 

Obra de referência e muito procurada. Invulgar na sua 1ª Edição.   120€ 

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Cartão Manuscrito de Magalhães Lima

 


Cartão Manuscrito por Magalhães Lima para Nóbrega Quintal
Cartão timbrado "Repartição de Turismo", escrito na frente e verso, datado de 15 de Junho de 1918, assinado por Magalhães Lima e por este enviado a Nobrega Quintal:

"Peço ao meu bravo correligionário, Nobrega Quintal, o favor de ser, junto dos signatários que me enviaram um bilhete no dia do meu aniversário, o interprete do meu maior reconhecimento pela carinhosa manifestação de afecto que tanto me penhorou e comoveu.      Magalhães Lima"

(Sebastião de) Magalhães Lima foi escritor, político e jornalista fundador do jornal "O Século". Fez parte da afamada Geração de 70 tendo convivido com "o mais importante escol de intelectuais portugueses do último quartel do século XIX". Foi, durante muitos anos, Grão-Mestre da Maçonaria Portuguesa, e um dos maçons com maior prestígio dentro e fora de Portugal.

Bem conservado. O cartão apresenta dois furos feitos por um furador, contudo, não perturbam estes a boa leitura do escrito.   (Indisponível)

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Cartão Manuscrito de Hipólito Raposo

 

Cartão manuscrito por Hipólito Raposo

Datado de 27 de Fevereiro de 1950, assinado e enviado por Hipólito Raposo a um destinatário que não nos é possível identificar:

"Venho agradecer-lhe o empréstimo do retrato-alegoria do meu ilustre Avô que deu muito bem na gravura, como depois verá.

Aqui lhe restituo a foto que só demorei o tempo necessário. 

Os melhores cumprimentos do seu velho admirador e amigo     Lx.ª 27-II-50   Hipólito Raposo"

Hipólito Raposo foi um advogado, escritor, historiador e político monárquico português que esteve ligado à fundação do movimento autodenominado por "Integralismo Lusitano". 

Cartão com ligeiros picos de acidez característica do papel, contudo, bem conservado.  40€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Bilhete Postal de Júlio Brandão

 


Bilhete Postal manuscrito por Júlio Brandão
Bilhete postal timbrado da "Livraria Figueirinhas", datado de 27 de St. (Setembro (?)) de 1907, assinado e enviado pelo escritor a Eloy do Amaral:

"Exm.º Snr. e presad.mº Collega:       Desejo enviar o exemplar das m.ªs leituras a V. Excª. 
Pedia-lhe a fineza de me dizer se o posso fazer p.ª ahi.
Basta um bilhete postal = Monte da Luz = Foz do Douro.
Admirador e collega muito dedicado,    Julio Brandão"

Bem conservado.  50€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Cartão Manuscrito de Aquilino Ribeiro

 


Cartão Manuscrito pelo punho do Mestre Aquilino Ribeiro

Cartão (13,5cm x 8,8cm) enviado de Cruz Quebrada, onde o escritor passou a viver desde 1932, datado de 4 de Fevereiro de 1940, onde se podem ler algumas palavras de agradecimento endereçadas a um destinatário que não nos é possível identificar:

"C. Quebrada  4/2/40      Meu querido amigo:     Muito e muito obrigado pela sua gentileza que me sensibilizou deveras. Sempre que eu lhe possa ser útil dê-me as suas ordens. Seu muito amig. cordialmente       Aquilino Ribeiro"

Bem conservado. Apresenta dois furos feitos por um furador, sem que comprometam estes a boa leitura do escrito.       (Indisponível)

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Príncipe Real D. Luiz Filipe

 

Príncipe Real D. Luiz Filipe

Ayres de Sá

Parceria António Maria Pereira. Lisboa, 1929. 1ª Edição. In-4.º, de 491 (8) páginas. Ilustrado.Dim: 26,2cm x 20,5cm. Enc.

Esta obra contém 100 fotogravuras, em 65 páginas de papel "Couché", 25 zincogravuras e numerosas cartas da família real e da nobreza portuguesa e europeia, inclusive uma carta da Rainha D. Amélia para o autor da presente obra onde esclarece a atitude da Família Real na Revolução de 5 de Outubro.

Soberba encadernação editorial inteira de carneira natural com ferros a seco e armoriados em super-libris na lombada e nas pastas.

Apreciado trabalho de Ayres de Sá sobre o Príncipe Real D. Luiz Filipe, assassinado, tal como o seu pai o Rei D. Carlos I, no dia 1 de Fevereiro de 1908, o dia do Regicídio.

Bom exemplar.  140€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Os «Reis Falados» de Carviçais

 

Os «Reis Falados» de Carviçais

António Manuel Pires Cabral

Núcleo Cultural Municipal de Vila Real - Cadernos Culturais (IV). Minerva Transmontana. Vila Real, 1979. In-8.º, de 45 (3) páginas. Brochado.

Tiragem limitada a 500 exemplares.

Bom exemplar.   15€


Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Notas Sobre Vias Romanas em Terras Flavienses

 

Notas Sobre Vias Romanas em Terras Flavienses

António Montalvão

Composto e impresso na Escola Tipográfica. Bragança, 1971. In-8.º, de 61 (3) páginas. Brochado.

Do Índice: O troço Chaves-Pisões da via Aquae-Bracaram     ;      O caminho para Braga por Alturas de Barroso     ;     A calçada no Laspêdo     ;     O antigo caminho para Vinhais     ;     O padrão vial da Santa Marta     ;     Via romana de Chaves para SE     ;     Uma via romana na direcção N-S ?

Bom exemplar (com ass. de posse). Invulgar.     20€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Famílias Transmontanas - Descendência de Francisco de Moraes, Palmeirim

 


Famílias Transmontanas - Descendência de Francisco de Moraes, Palmeirim
- Ligações Familiares e Outras Famílias de Trás-os-Montes

Francisco Xavier de Moraes Sarmento

Obra completa em dois volumes. Edições Carvalhos de Basto, Lda. Ponte de Lima, 2001. In-4.º, de 505 (3) + 567 (1) páginas. Dim: 25,5cm x 18,9cm. Ilustrados (Ilustrações de José Noronha Ozório). Brochados.

Cuidado estudo, recolhido nos arquivos distritais da região (Bragança, Vila Real, Arquivo da Diocese de Bragança e Miranda) e nos da Torre do Tombo, sobre as Famílias Nobres Transmontanas, ilustrado ao longo do texto com os seus brasões e as frontarias dos seus edifícios. 

Bons exemplares, com os cadernos ainda por abrir. Invulgar (Tiragem limitada de 500 exemplares). 

Estes exemplares já não se encontram disponíveis. Obrigado.

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Origem do Titulo e da Dignidade dos Condes

 

Origem do Titulo e da Dignidade dos Condes

Antonio Pereira de Figueiredo

Lisboa. Na Officina Luisiana, Anno M. DCC. LXXX (1780). 1ª Edição. In-8.º, de 32 (2) páginas. Dim: 20,7cm x 15,5cm. Encadernado.

Obra de muito raro aparecimento no mercado. A encadernação é cartonada e apresenta algum desgaste. O miolo está muito limpo e em excelente estado de conservação.

Exemplar estimado. Muito raro.  Preço sob consulta.

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Sá, Ayres de - Frei Gonçalo Velho

 


Frei Gonçalo Velho
Ayres de Sá

Obra completa em dois volumes. Quarto Centenário do Descobrimento da Índia - Contribuições da Sociedade de Geographia de Lisboa. Imprensa Nacional. Lisboa, 1899 - 1900. 1ª Edição. In-4.º, de (CLXXXVIII) 478 (2) + (LXXVIII) 572 (4) páginas. Dim: 24,6cm x 16,7cm. Ilustrado, com bonitas gravuras coloridas de brasões e mapas e plantas desdobráveis em folhas extratexto. Encadernação meia francesa com lombada e cantos em pele e dizeres a dourado sobre rótulos brancos na lombada (preserva as capas de brochura). 

Frei Gonçalo Velho foi um navegador português, íntimo colaborador do Infante D. Henrique, cavaleiro da Ordem de Cristo, Comendador de Almourol e Senhor de Pias. A ele é atribuída a descoberta, e início do povoamento, das ilhas do grupo oriental dos Açores. 

Conjunto valorizado pela dedicatória manuscrita e autografada por Ayres de Sá, autor da obra.

Bons exemplares. Raro. Preço sobre consulta. 




Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Carta Manuscrita de J. M. de Queiroz Velloso

 

Carta Manuscrita de Queiroz Velloso

Carta manuscrita em três páginas, datada de 31 de Maio de 1932 e assinada pelo historiador Queiroz Velloso. O Signatário felicita o destinatário da missiva por um trabalho que este terá efectuado sobre o navegador Gonçalo Velho, dando-lhe algumas sugestões de alterações na escrita do referido trabalho. O texto faz ainda alusão, entre outros, ao Sr. Almirante Freitas Ribeiro, a Jordão de Freitas e a (Leonardo) Coimbra (?):

"Meu E.mº Amigo               Li, e tudo me pareceu muito bem. O trabalho da sub-comissão e, em especial, do relator, honra a Sociedade de Geografia.

Julgo, porem, que na pagina IX, linhas 5-6, a contar do fundo da pagina, seria melhor suprimir o seguinte periodo: «e tambem não afasta a hipotese de que Diogo de Sunil seja o mesmo que Gonçalo Velho». Quando estava D. Senill, podia admitir-se essa hipotese; mas não com Diogo de Sunil. Bastará deixar a hipotese da alinea anterior - aliás muito plausível - de que Diogo de Sunil fosse o piloto.

Não desejo, porem, resolver nada por mim só. Peço A V. E.cia. que mostre esta carta ao Sr. Almirante Freitas Ribeiro e ao Sr. Norton. E para suspender as castas para os jornais, não seria mau mostrar tambem o relatorio ao Jordão de Freitas, que deve concordar com êle. (...)

(...) Estimo que fale ao Coimbra, pedindo-lhe para desistir do seu pedido de demissão. É inteligente, sabe trabalhar, e esses elementos não se podem por de parte (...)

A folha apresenta dois furos feitos por um furador. Contudo, a boa leitura do manuscrito não se encontra comprometida pela furação e o documento está muito bem conservado.     50€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Memórias Arqueológico-Históricas do Distrito de Bragança

 

Memórias Arqueológico-Históricas do Distrito de Bragança

ou Repositório amplo de notícias corográficas, hidro-orográficas, geológicas, mineralógicas, hidrológicas, biobibliográficas, heráldicas, etimológicas, industriais e estatísticas interessantes tanto à história profana como eclesiástica do distrito de Bragança

Francisco Manuel Alves (Abade de Baçal)

Obra completa em 12 volumes. Câmara Municipal de Bragança / Instituto Português de Museus - Museu do Abade de Baçal. Bragança, 2000. In-4.º, de (CLXXX) (X) 450 (4) + (VI) 541 (3) + (IV) 453 (3) + 666 (4) + (XX) (CV) 209 (1) + (III) (IX) 816 (3) + (II) (IV) 846 (2) + (XI) 454 (2) + (XV) (III) 790 (4) + (XIII) 872 (4) + (XVI) 712 (2) + 789 (3) páginas. Dim: 23,2cm x 17cm.  Brochados. 

"Na bibliografia do Nordeste transmontano as Memórias Arqueológico-Históricas do Distrito de Bragança, de Francisco Manuel Alves, Abade de Baçal, ocupam um lugar insubstituível. Cobrindo um enorme leque temático e um longo período cronológico, desde os tempos pré-históricos até ao início do nosso século, constituem, pela riqueza documental e de informações, um precioso auxiliar para todos os investigadores de história, em especial para os que se debruçam sobre a região. Há muito esgotada a primeira edição de 1910 a 1947, bem como as reedições fac-similadas dos anos oitenta, em boa hora a Câmara Municipal de Bragança, em colaboração com o Museu Abade de Baçal, e com o apoio do Pronorte, decidiu apostar numa nova edição revista e com actualização ortográfica e científica." -  Gaspar Martins Pereira, na apresentação desta edição (Tomo I)

Bons exemplares. Obra monumental e da maior referência, invulgar e muito procurada.      Preço sob consulta.

Estes exemplares já não se encontram disponíveis. Obrigado.

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

A Abelheira e o Fabrico de Papel em Portugal

 


A Abelheira e o Fabrico do Papel em Portugal
(História de uma propriedade de uma fábrica)

- Followed by a résumé in English, with the addition of some interesting documentary evidence, by Mrs. R. Garland Jayne -

Gustavo Matos de Sequeira

Tipografia Portugal. Lisboa, 1935. Edição bilingue. 1ª Edição. In-4.º, de 102 páginas. Dim: 27,2cm x 22cm. Ilustrado. Bonita encadernação editorial em percalina executada e assinada pelo mestre encadernador "Paulino".

Invulgar e apreciada monografia sobre uma das mais antigas fábricas de fabrico de papel no nosso país, impressa sobre papel de qualidade superior da própria fábrica da Abelheira e ilustrada no texto com reproduções fotográficas, reproduções das marcas de água usadas pela fábrica e mapas desdobráveis coloridos.

Bom exemplar. Obra invulgar e apreciada.    85€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Guia Oficial da Exposição do Mundo Português (1940)

 

Guia Oficial da Exposição do Mundo Português (1940)

Lithografia Portugal. Lisboa, 1940. Dim (fechado): 21,1cm x 12,6cm; (aberto): 62cm x 42cm. 

Guia desdobrável daquela que foi a maior feira internacional realizada no nosso país até ao acontecimento da Expo´98. 

O desdobrável contem diversas fotografias dos pavilhões integrantes da Exposição e diversas informações úteis de "Como se deve ver a Exposição", "Transportes para e dentro da Exposição", "Preços dos Bilhetes", "Restaurantes", etc, e ainda uma planta legenda colorida e de belíssimo grafismo  (62cm x 42cm) do recinto da Exposição.

Exemplar muito bem preservado e de invulgar aparecimento no mercado.     60€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Fidalgos e Morgados de Vila Real e Seu Termo

 

Fidalgos e Morgados de Vila Real e Seu Termo 

- Genealogia - Brazões - Vínculos

Júlio A. Teixeira

Imprensa artística. Vila Real, 1946 [Aliás, Edição de J. A. Teles da Silva. Lisboa, 1990. Reedição fac-similada, com um estudo biobibliográfico sobre o autor por Luiz Vaz de São Payo.]. Obra completa em quatro volumes, In-4º., de XXX -606-(4) + 571 (7) + 549 (5) + 561 (8) páginas. Ilustrados. Brochados. Com o estojo original cartonado e decorado em papel de fantasia.

Obra de grande fôlego e de capital interesse para o estudo  da Genealogia Portuguesa.

"...a edição original saiu em fascículos de Maio de 1946 a Fevereiro de 1954 para duzentas assinaturas que já estavam preenchidas em Junho de 1951...Por isso em todo o país, inúmeros historiadores e genealogistas se queixam de não conseguir adquirir obra tão rara, nem sequer consultá-la, pois que ela não se encontra nas bibliotecas, excepto segundo julgamos, as que teem depósito legal; nem mesmo ironicamente na Biblioteca Júlio Teixeira, de Vila Real; e nesta cidade, que ele serviu e amou, só muito recentemente fui informado de que existe um exemplar..."

Tiragem limitada a 500 exemplares numerados e rubricados pelo editor. 

Exemplares em bom estado de conservação. Peça de colecção. Raro.   

Este conjunto já não se encontra disponível.

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Gravura Colorida do Século XIX

 

Gravura Colorida do Século XIX (1875) 

Publicada no ano de 1875 na obra "La Mode Illustrée" e assinada por Anaïs Toudouze, notável ilustradora do universo editorial do mundo da moda do século XIX. 

É de notar, apesar do tempo decorrido, a força cromática das ilustrações.

Bem conservada. Dim: 36,5cm x 26cm.       25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Gravura Colorida do Século XIX

 

Gravura Colorida do Século XIX (1875) 

Publicada no ano de 1875 na obra "La Mode Illustrée" e assinada por Anaïs Toudouze, notável ilustradora do universo editorial do mundo da moda do século XIX. 

É de notar, apesar do tempo decorrido, a força cromática da ilustração.

Bem conservada. Dim: 36,5cm x 26cm.       25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Gravura Colorida do Século XIX

 

Gravura Colorida do Século XIX (1875) 

Publicada no ano de 1875 na obra "La Mode Illustrée" e assinada por Anaïs Toudouze, notável ilustradora do universo editorial do mundo da moda do século XIX. 

É de notar, apesar do tempo decorrido, a força cromática da ilustração.

Bem conservada. Dim: 36,5cm x 26cm.       25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Gravura Colorida do Século XIX

 

Gravura Colorida do Século XIX (1875) 

Publicada no ano de 1875 na obra "La Mode Illustrée" e assinada por Anaïs Toudouze, notável ilustradora do universo editorial do mundo da moda do século XIX. 

É de notar, apesar do tempo decorrido, a força cromática da ilustração.

Bem conservada. Dim: 36,5cm x 26cm.       25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Belo, Ruy - Transporte no Tempo

 

Transporte no Tempo

Ruy Belo

Colecção Círculo de Poesia. Moraes Editores. Lisboa, 1973. 1ª Edição. In-8.º, de 150 (6) páginas. Brochado.

"Ó pálidos países das marés     /     dos olhos que nos abrem regiões desconhecidas     /      marés no íntimo das árvores sem nome     //      Ó país poderoso dos pinheiros       do dilúvio do fogo sobre a face     /     inexorável como a vinda da semana     /     para quem no domingo tem a vida     //      Eu agora não sei do fim da primavera     /     quando na boca já sentimos os morangos     /     e vemos sobre nós passar recentes aves     /     nem sei da testa cheia de luz nem      /     das fúcsias devoradas pela sombra     /     ou de uma camioneta ou de um domingo   //

Nunca aspirei a mais do que ao repouso     /      nas regiões onde em fins de janeiro     /      já o inverno lentamente se despede     /     e o sapo satisfeito pela chuva     /     oculta a cabeleira de uma nuvem     /    nos móveis de acaju familiares     //      Nada me resta além da juventude decomposta     /      de uma mesa arrumada como a consciência     /      da destruição lenta das mulheres     //      A verdade da vida talvez seja     /      a refeição do ávido sol sobre     /     os príncipes do nada os que não sentem     /    qualquer necessidade de saber     /      e apenas procuram possuir     //      Talvez seja a estação dos grandes movimentos     /     o tempo da idade das mulheres     /     aberto nas primeiras tempestades     // Oiço o crepitar dos fogos outonais     /     um efémero jovem brilha sob os dias     /     todo o amor se extingue todo o astro     //      E o tempo da morte é a nocturna solidão     //      Garantam-me ao menos que se exala algures     /      o perfume da flor do castanheiro"

 Exemplar valorizado pela assinatura de posse de João Mattos e Silva.

Bom exemplar. Invulgar.   65€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Alegre, Manuel - Atlântico

 

Manuel Alegre - Atlântico

Colecção Círculo de Poesia. Moraes Editores. Lisboa, 1981. 1ª Edição. In-8.º, de 116 (4) páginas. Brochado.

"O tempo o vento interior      /     O movimento o fogo a lava     /     A terra o sol talvez amor     /    A causa o acaso ou só o cântico     /     Um rectângulo um mar uma palavra     /     Talvez atlântico talvez atlântico"

Exemplar valorizado pela assinatura de posse de João Mattos e Silva.

Bom exemplar.     25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Entre a Sombra e O Corpo

 

Entre a Sombra e O Corpo

David Mourão-Ferreira

Colecção Círculo de Poesia. Moraes Editores. Lisboa, 1980. 1ª Edição. In-8.º, de 69 (7) páginas. Brochado.

"Ao meio-dia em ponto     /     entre a sombra e o corpo     /     o encontro"

Bom exemplar.       25€

Para encomendar: Use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Sena, Jorge de - 40 Anos de Servidão

 

Jorge de Sena - 40 Anos de Servidão

Colecção Círculo de Poesia. Moraes Editores. Lisboa, 1982. 2ª Edição revista. In-8.º, de 234 (22) páginas. Brochado.

Prefácio de Mécia de Sena

"Nevoeiro

O nevoeiro     /      rodeou teu vulto negro     /      e eu vi bem     /     que não te debateste nos seus braços     /     e que lentamente ele te bebeu.     //     Eu compreendo     /     a tortura que sofre o nevoeiro,     /     a tortura que a água sofre e geme.     /     Sim, nós não podemos beber     /     a essência, o móbil de nós mesmos;     //      a água não se pode beber a si mesma     /   portanto morre de sede.     //

E chora e geme e procura-se     /     e vem em nevoeiro     /     e sobe     /     e desce      e envolve os vultos negros     /     e bebe-os...     /    dissolve-os...    //

Por que deixaste o nevoeiro rodear-te?...      Para quê dar de beber ao nevoeiro?"

Exemplar valorizado pela assinatura de posse de João Mattos e Silva.

Bom exemplar.       25€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Carta Manuscrita de Vitorino Nemésio

 


Carta Manuscrita por Vitorino Nemésio para Eduardo Vieira Leitão (Embaixador de Portugal em Bruxelas)

Missiva escrita em duas páginas, datada de 25 de Fevereiro de 1962, assinada por Vitorino Nemésio e pelo escritor enviada, de Lisboa para Bruxelas, ao "Dr. Eduardo Vieira Leitão", embaixador de Portugal em Bruxelas. Dim: 22cm x 15cm. 

Vitorino Nemésio agradece, profundamente, e isso se pode verificar na escrita de grande sensibilidade que o seu manuscrito revela, ao Dr. Eduardo Vieira Leitão todas as atenções que este tem tido com o seu filho mais velho. Aqui ficam dois pequenos excertos da missiva:

"Meu querido Amigo       

Já o nosso curto mas franco convívio nos exames de confirmação de adidos de legação, vai para trinta anos, autorizaria o tratamento que me permite dar-lhe. Dos jovens cujas prendas linguísticas passávamos em revista, já vários são embaixadores também, - senão de fileira, no tratamento. Onde tudo isso vai!...

Pois bem. Entre a muita água que correu depois, está a que fez do meu filho varão mais velho aprendiz de diplomata sob as vistas superiores do seu saber e experiência. E essa outra água (desculpe-me - que sou poeta - o apego aos símbolos) da generosidade do Embaixador Leitão (...)

(...) Agora, que o meu ilustre Amigo chega ao termo da sua exemplar carreira e, com ele, ao do patrocínio dado ao Jorge, a sua justa promoção a Embaixador do quadro dá-me a última oportunidade de me mostrar agradecido - e bem profundamente ! (...) 

Manuscrito bem conservado. Preserva o sobrescrito, contudo, com falta do canto superior direito.    100€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado! 

Bilhete Postal de José Leitão de Barros

 

Bilhete Postal Manuscrito por José Leitão de Barros

Manuscrito datado de 5 de Outubro de 1950 e assinado por José Leitão de Barros:

"Exm.º Senhor.     Respondo à Sua carta:     A "Severa" foi o primeiro filme português, sonoro. Antes da "Severa" uns três ou quatro mêses , a "Paramount" fez, de dois filmes, versões em 11 línguas diferentes. Entre elas uma versão portuguesa. Mas esses filmes - "Canção do Berço" com Corina Freire, etc, eram versões e não filmes originais. Nem o auctor, nem a música, nem o realizador, nem os técnicos, nem o assunto, nem a localização, nem os estúdios eram portugueses! Indiscutivelmente, pois, a "Severa" foi o primeiro filme nacional sonoro.             De V. Exc.ª at.me    J. Leitão de Barros"

Bilhete Postal da série "Conheça a Sua Poesia", com poesias escolhidas por Afonso Lopes Vieira, sendo este o nº 22 com uma poesia de João de Deus.

José Leitão de Barros foi pintor, escritor, poeta, dramaturgo, realizador de cinema, decorador, encenador, jornalista e grande organizador de festas populares. Dirigiu a revista "Notícias Ilustrado" e colaborou com diversos jornais e revistas como "O Século", "A Capital", a "ABC" e a "Contemporânea", entre outros. Foi secretário-geral da "Exposição do Mundo Português" (1940), responsável pela organização da "Feira Popular" de Lisboa (1943) e director da Sociedade Nacional de Belas-Artes. Realizou o primeiro filme falado em português e feito por portuguese, "A Severa".

Muito bem conservado. Excelente conteúdo. Peça de colecção.          90€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Carta Manuscrita de Chaby Pinheiro

 

Carta Manuscrita por Chaby Pinheiro

Manuscrito de duas páginas, datado de 14 de Julho de 1925, assinado pelo famoso actor de teatro Chaby Pinheiro:

"Meu caro Alvaro d´Almeida

Venho importunal´o pois que não sei a que dias ahi estará o Nobre Martins. A notícia d´hontem a respeito da suspensão da minha Tournée veio lançar a confusão nas minhas hostes. O pessoal artístico está alarmado. 

Peço-lhe encarecidamente a publicação das linhas inclusas para esclarecer o caso, e desde já me confesso muito grato.                      Amigo certo,    Chaby Pinheiro"

António Augusto Chaby Pinheiro (1873 - 1933) foi um notável actor de teatro que se destacou na arte da declamação, alcançando um reconhecido sucesso em Portugal e no Brasil. Foi também encenador e professor do Conservatório Nacional. 

Manuscrito bem conservado.    70€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Bibliotheca Lusitana

 


Bibliotheca Lusitana

Diogo Barbosa Machado

Obra completa em quatro volumes. Atlântida Editora. Coimbra, 1965-1967. Edição fac-similada, conforma a primeira de 1741. In-4.º, de (80) 767 (3) + 926 (4) + 798 (4) + 721 (9). Dim: 28,5cm x 20,5cm. Enc.

Obra monumental e de grande utilidade para o estudo da bibliografia portuguesa. 

Edição fac-símile da raríssima primeira edição de 1741, revista pelo Prof. Doutor Manuel Lopes de Almeida, director da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra. 

Exemplares em muito bom estado de conservação e com uma belíssima e muito bem executada encadernação meia-francesa com a lombada e cantos em pele, preservando as capas de brochura.

Excelente conjunto.   

Preço sob consulta.

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

L´Expression Corporellle du Comédien

 

L´Expression Corporelle du Comédien

Jan Doat

Les Editions Françaises Nouvelles / Bordas Frères, 1944. In-8.º, de 72 páginas. Deuxiéme édition, corrigée et augmentée. Ilustrado (Desins originaux et reproductions de René Forest). Brochado.

Curiosa publicação sobre a expressão corporal na representação teatral, ilustrado com vários exemplos e exercícios práticos do culto do gesto.

Exemplar estimado. Invulgar.     20€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Maquillage de Théatre

 

Maquillage de Théatre

Georges Vitaly

Librairie Théatrale. Éditions Billaudt. Paris, 1955. In-8.º, de 55 (7) páginas. Ilustrado (Dessins de Davis).  Br.

Curiosa publicação sobre o uso da maquilhagem nos actores de teatro, ilustrada com exemplos de diversas técnicas de maquilhar diferentes partes dos corpos e tendo em consideração a luz de palco que sobre eles possa incidir. 

Bom exemplar. Invulgar.     20€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Santos, Carlos - A Arte de Dizer

 

A Arte de Dizer

Carlos Santos

Livraria Popular de Francisco Franco. Lisboa, 1929. 1ª Edição. In-8.º, de 144 páginas. 

Do Índice:   Considerações prévias;     A Arte de dizer e a Arte de representar;    Pronunciação;     Articulação;     Pontuação;    Respiração;     Voz;     Construção correcta;     Leitura e dição expressivas;     Inflexões;     Palavra de Valor;    Ritmo e movimento;     Gesticulação;     Fisionomia;     Atitude e compostura;    Considerações geraes;     Conclusão.

"A materia deste livro - ou, para melhor dizer, destes apontamentos - foi recrutada das lições dalguns tratadistas, especializados no assunto, dos conhecimentos que a nossa vida de teatro nos tem facultado, grande parte tambem inspirada na observação directa dos grandes mestres da sena e colhida, por vezes. na experiencia que nos tem vindo das nossas lições durante a regencia da cadeira que, ha tempo, lecionamos no Conservatorio Nacional de Teatro." - O autor

Exemplar estimado.   15€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Santos, Carlos - Arte de Representar

 

Arte de Representar

- Sumário de Lições -

Carlos Santos 

Empresa Nacional de Publicidade. Lisboa, 1951. 1ª Edição. In-8.º, de 139 (7) páginas. Ilustrado. Brochado.

Introdução de Assis Pacheco

Publicação póstuma de um conjunto de apontamentos coligidos pelo actor Carlos Santos (1871 - 1849) sobre  teatro e a arte de representar.

Bom exemplar.    25€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Recordações da Scena e de Fóra da Scena

 

Recordações da Scena e de Fóra da Scena

Augusto Rosa

Livraria Ferreira. Lisboa, 1915. 1ª Edição. In-8.º, de 363 (5) páginas.Dim: 20,8cm x 17cm. Ilustrado. Encadernado com a lombada e cantos em pele.

Livro de memórias do grande actor Augusto Rosa, com um prefácio de António Lopes Vieira e ilustrações em extratexto de Teixeira Lopes, Rafael Bordalo Pinheiro, Columbano, entre outros.

Exemplar muito valorizado pela dedicatória manuscrita e autografada por Augusto Rosa para "A Helena Bordallo Pinheiro", filha do grande artista plástico Rafael Bordalo Pinheiro.

Exemplar estimado. Obra procurada.    60€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

As Obras de Gil Vicente

 

As Obras de Gil Vicente

Direcção científica de José Camões

Obra completa em cinco volumes. Centro de Estudos de Teatro da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Imprensa Nacional-Casa da Moeda. Lisboa, 2002. In-4.º, de (XIII) 684 (4) + 688 (4) + (XXIX) 580 (8) + 690 (4) + (VIII) 687 (4) páginas. 1ª Edição. Dim: 26cm x 18,2cm. Ilustrado. Br.

Obra de grande fôlego onde se encontra reunida nos Vols. I e II a transcrição dos textos do grande dramaturgo acompanhada de notas que dão conta do trabalho do editor na sua fixação. Os Vols. III e IV contêm os fac-símiles dos livros quinhentistas e o V, e último, volume, apresenta um glossário e uma bibliografia organizada em duas secções, catálogo e crítica. 

Exemplares em bom estado. Edição de grande qualidade.    140€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Eduardo Fernandes (Esculápio) - Memórias

 


Memórias do «Esculápio» 
- Das Mãos da Parteira ao Ano da República -

Eduardo Fernandes (Esculápio)

Parceria António Maria Pereira. Lisboa, 1940. In-8.º, de 327 (3) páginas. Ilustrado. Encadernação com etiqueta da oficina do mestre encadernador Frederico d´Almeida, em "meia-inglesa" com lombada e  cantos em pele. 

Prefácio e notas de Albino Forjaz Sampaio e capa de Leal da Câmara

Bom exemplar. 30€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Carta Manuscrita de Eduardo Fernandes (Esculápio)

 

Carta Manuscrita por Eduardo Fernandes (Esculápio)

Carta manuscrita (22cm x 13,6cm) pelo famoso "repórter de crime", e escritor de numerosas peças de teatro, em uma página de papel timbrado do jornal "O Seculo", datada de 26 de Março de 1918 e assinada por Eduardo Fernandes com o seu pseudónimo "Esculápio".

"Meu caro amiº.:      O nosso ministro esqueceu-se da nossa pretensão? Porque não veio ainda no Diário o que nós queremos? Todos m´o perguntam e é necessario tomar deliberações. Desculpe-me a impertinência, mas faça o possível para o caso, antes de mais que ha a fazer, se resolver com brevidade. Apparece na Brasileira?

Creia-me        Sincª am.   Esculápio"

O destinatário da missiva poderá ser (António) Guedes Vaz (?), oficial do exército, combatente na Primeira Grande Guerra Mundial, governador da província de Cabo Verde entre 1927 e 1931 e escritor de diversas peças teatrais. 

Carta bem conservada.     50€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!

Carta Manuscrita de Eduardo Scarlatti

 

Carta Manuscrita por Eduardo Scarlatti para o poeta João de Lemos

Missiva escrita em uma página (25,5cm x 18,2cm), datada de 28 de Dezembro de 1937, e assinada por Eduardo Scarlatti, dando notícia do envio de dois exemplares do seu Ex-Líbris ao poeta João de Lemos:

"Exmº. Snr. João de Lemos:      Mentiria a V. Exª. se me declarasse coleccionador de alguma coisa na vida. Apesar disso, compreendo não só a ideia que preside à acumulação ordenada de tantos espécimes interessantes, mas ainda a utilidade desse esforço persistente.

Creia, pois, no prazer que tenho em enviar, a V. Exª., dois exemplares do meu ex-libris - simples reprodução de uma obra grega de museu, à qual atribuí, para uso próprio, determinado simbolismo..."

Eduardo Scarlatti foi um conceituado crítico e teórico do teatro português, tendo contribuído de forma marcante para a actualização da prática dramática no nosso país. 

Bem conservado.  Invulgar.      60€

Para encomendar, use, por favor, o endereço de email: livrosenarrativas@gmail.com , ou, o contacto telefónico: 91 667 34 09. Obrigado!